HIRSA INICIA CONTRATO COM CENPES E PRETENDE OFERTAR NOVOS PRODUTOS PARA O MERCADO

Por Davi de Souza (davi@petronoticias.com.br) –

A Hirsa é uma das principais empresas da área de metrologia no Brasil e está com novos projetos, especialmente dentro do setor de óleo e gás. O gerente comercial da companhia, Roberto Magalhães, revelou que está sendo iniciado um novo contrato de metrologia junto ao CENPES (Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobrás). Ainda de acordo com o executivo, a empresa também está com trabalhos para calibração em Estações de Medição e Provadores em Petroquímica. De olho no futuro, a Hirsa já definiu seu plano para expansão de negócios: “Pretendemos alcançar o crescimento através da real diferenciação de serviços e dos atuais produtos, aumentando seu valor agregado“, afirmou Magalhães, que ainda contou que a companhia pretende lançar novos produtos no mercado.

Como avalia o momento do mercado de metrologia no Brasil?

Não somente o de Metrologia, mas o de Automação e Controle, nossos mercados, passam por momentos de grande transformação. O mundo da tecnologia avança de maneira rápida e algumas tendências ganharam peso no passado recente e passam a influenciar a rotina das organizações.

Como estão os negócios da Hirsa? Quais os principais contratos em execução?

Não podemos reclamar. Em nível de serviços temos uma boa carteira de contratos, operamos em mais de 31 ativos de medição, através de diversos players com Gestão Metrológica. E a nível de contratos, podemos destacar o da Transpetro – Dutos e Terminais, na Unidade de Operações da Bacia de Campos (UO-BC). Em nível de instrumentação, notamos uma razoável melhoria no mercado se comparado com 2016, tanto para pequenas melhorias e Revamps. E em nível de projetos, tivemos fornecimento para Rota 1, Mexilhão e Rnest Snox.

A Hirsa participou do projeto do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Combustão da Asvotec. Poderia detalhar como foi essa participação?

A Hirsa tem sido uma tradicional fornecedora da Asvotec para medição de Vazão e, por conseguinte, fomos convidados a participar com nossa linha Mássica Termal. Afinal, trabalhamos há mais de 24 anos com esta tecnologia, fomos os que introduziram no mercado brasileiro o FCI – Fluid Components, e entendemos que nosso expertise em aplicações, aliado ao suporte de campo, tenha contribuído para esta parceria no Flare e Sistema de combustão em seu laboratório (planta piloto).  

A empresa está com algum novo contrato já assinado ou em negociações para um novo contrato?

Estamos dando início a um contrato para metrologia junto ao CENPES, em seus laboratórios, bem como para Calibração e otimização junto a Estações de Medição (Emeds) e Provadores em Petroquímica. Recentemente fornecemos elementos primários de vazão do tipo V-Cone para Refinaria Abreu e Lima (RNEST) e Mexilhão  (Rota 1).

Qual o planejamento estratégico da empresa para os próximos anos? Como a Hirsa pretende crescer no médio e longo prazo?

Pretendemos alcançar o crescimento através da real diferenciação de serviços e dos atuais produtos, aumentando seu valor agregado; com a maior interação com os clientes dentro do foco venda de soluções, e não de produtos; além de buscarmos novos produtos para energias renováveis.

Como avalia o cenário do setor de óleo e gás? Quais são as perspectivas de novos negócios?

Existem boas expectativas, quer seja com as novas rodadas da Agência Nacional do Petróleo (ANP), com os campos de Libra e Sépia, bem como nos projetos UPGN (Rota 3) e Porto de Açu, que servirão inclusive de embasamento para esta nova fase de maior integração com parceiros lá de fora .

Existe algum novo produto ou serviço que a Hirsa pretende lançar em breve?

Sim, mas neste momento seria um pouco prematuro sua divulgação.

Deixe seu comentário

1 Comentário em "HIRSA INICIA CONTRATO COM CENPES E PRETENDE OFERTAR NOVOS PRODUTOS PARA O MERCADO"

Notify of
avatar
Sort by:   newest | oldest | most voted
Curioso
Visitante

O correto é CENPES. Pelo amor de Deus !

wpDiscuz