GAMESA É A SEGUNDA EMPRESA A CUMPRIR OS NOVOS REQUISITOS DO BNDES PARA CONTEÚDO LOCAL

Depois da Impsa, a Gamesa foi a segunda empresa a receber o reconhecimento do BNDES por estar se enquadrando nos novos requisitos estabelecidos para as companhias estrangeiras que operam no Brasil. Com isso, a companhia já pode ter acesso às linhas de financiamento do Finame, em que se exigem, até 2016, um aumento gradual no registro de conteúdo local e estipulações de acreditação para aerogeradores fabricados no Brasil.

O diretor regional da Gamesa na região do Cone Sul, Edgard Corrochano (foto), declarou que, no curto e no médio prazo, o Brasil será um dos mercados prioritários para a empresa, que, de acordo com o diretor, tem a meta de se consolidar como um dos principais fabricantes do mercado brasileiro, baseando-se na combinação de sua liderança tecnológica mundial com o reconhecimento local, o compromisso com o desenvolvimento das comunidades, a criação de emprego e a geração de riqueza, através de alianças com fornecedores locais.

Atuando no Brasil há cerca de dois anos, a Gamesa reforçou sua participação no país com contratos de fornecimento de mais de 900 MW em projetos no Ceará, na Bahia e no Rio Grande do Sul. Dessa capacidade contratada, a empresa já havia instalado, até o final de 2012, 96 MW.


p5rn7vb

Nenhum comentário ainda.

Deixe sua resposta

*